APDESPbr - O CANAL DA PRÓTESE ODONTOLÓGICA BRASILEIRA

A anaplastologia vem chegando com muito mais força no Brasil

Você já ouviu falar das próteses extraorais? Nós já trouxemos esse tema por aqui e continuamos a explorar esse universo com a história de vida e a carreira de Éderson Orlandi. O professor Orlandi, como é conhecido, é um grande parceiro da APDESPBR nos aprimoramentos ministrados há muitos anos na sede da entidade, em São Paulo.

No último congresso internacional promovido pela entidade nós montamos uma estrutura para receber esses profissionais parceiros da associação. Em longas entrevistas, captamos um conteúdo valioso, voltado à profissão, porém, perpassando pela vida pessoal de cada um, para que os sentimentos humanos, tão presentes em nossas decisões e determinantes, portanto, do nosso futuro, nos entregasse histórias de valor que pudessem auxiliar outros a impactar positivamente tantas vidas. 

Assim foi criada a série ‘Sua história, nosso valor’ – com fragmentos dessas entrevistas, divididos por temas. E esse vídeo abaixo, que culminou nesse texto, é parte da entrevista com esse renomado profissional da prótese dentária que desenvolveu um importante trabalho com as próteses extraorais e em determinado momento assumiu sua missão de transmitir esse conhecimento a outros profissionais técnicos. 

 

Isso porque, além de ter vivido momentos transformadores em sua vida através do trabalho de reabilitação protética facial e extraoral, Orlandi também destaca a necessidade do mercado por profissionais com esse conhecimento técnico. 

A anaplastologia vem agora com muito mais força no Brasil. Ela começou bem devagar, nomeada como prótese extraoral, agora já chega no Brasil como anaplastologia, ou seja, uma prótese que não é apenas extraoral, buco-maxilo-facial, ela é também uma prótese corporal, que se estende para membros superiores e inferiores, mama, enfim, qualquer outro lugar.

 A anaplastologia compreende a prótese ocular, prótese óculopalpebral, prótese auricular, prótese nasal, prótese de dedo, prótese de mama, entre outras. Trabalho que foi ganhando qualidade com o avanço da tecnologia em materiais e a habilidade dos profissionais que, como Orlandi, buscaram esse aprimoramento em diversas outras áreas do conhecimento no passado. Alguns deles passaram a ensinar a ‘arte de reabilitar almas’, como denominou o professor Ederson Orlandi. 

Para o técnico, a missão é levar esse conhecimento. Tanto para que a demanda de pacientes que necessitam dessa qualidade técnica seja atendida, quanto para aqueles profissionais que querem descobrir algo que os façam se sentir renovados em suas profissões, descobrindo um novo caminho dentro da habilidade que já têm, com a utilização de materiais que já estão habituados. 

“Eu vejo que muitos profissionais que me procuram para fazer cursos e treinamentos, eles procuram para ter esse brilho novamente na profissão. Já estão muitos anos fazendo a mesma coisa e aí descobrem um novo jeito de fazer prótese. E ali eu entendo que esses profissionais também se renovam, se reavivam. E isso faz com que eu me renove como profissional. Não só como profissional atuante, mas também como um professor.” 

Esse brilho no olhar de Ederson também fica perceptível nessas imagens.  Mas ao vivo é sempre a melhor experiência, portanto, se você também deseja conhecer as novas possibilidades de trabalho com as próteses extraorais, ou a anaplastologia, informe-se na programação de cursos da APDESPBR. A próxima turma ainda está aberta e você pode fazer parte dela.

Se ainda não assistiu aos demais vídeos com Éderson Orlandi, acesse eles por aqui:

A anaplastologia e a arte de reabilitar almas

Primeiro foi uma transformação pessoal minha, para depois transformar a vida delas de forma protética 

Caso queira acessar todos os vídeos da série ‘Sua história, nosso valor’ é só clicar aqui. Vale muito! São 9 profissionais com histórias imperdíveis.

Até o próximo!

 

Avatar

Maria Fernanda Marques

Gestora de comunicação e marketing na Cairós Humaniza. Especialista em branding, comunicação humanizada e planejamento estratégico. Acima de tudo, apaixonada por gente! E motivada pelas relações humanas e as boas histórias que delas resultam, sobre pessoas e marcas.

Deixar um comentário